16 de setembro de 2010

Rejeitada pelo público, Diana é defendida pelo autor de "Passione"

Após vazar na imprensa que a personagem Diana (Carolina Dieckmann) será assassinada em “Passione”, surgiram em várias redes de relacionamento comentários aprovando a decisão do novelista Silvio de Abreu em dar um fim na vida da jornalista.


De acordo com pesquisas realizadas pela Globo, a personagem de Carolina Dieckmann é uma das mais rejeitadas de “Passione”. Sem revelar se realmente a jornalista será assassinada na novela, Silvio de Abreu, em entrevista ao jornal Extra, saiu em defesa da personagem. “Se focarmos na relação Diana – Mauro – Melina, os fatores que fazem com que algumas pessoas não gostem de Diana são os mesmos que levam muitas outras a não aturarem a Melina. Isso faz parte do jogo e, principalmente, de um triângulo amoroso”, acredita.


O novelista ainda defendeu as atitudes da personagem e considera Diana uma mulher de caráter. “Ela é uma mulher que erra e não tem vergonha de dizer 'eu errei'. Isso pode causar um certo estranhamento, já que ela é uma mocinha com atitudes que, se necessário for, usa das mesmas armas que seus adversários. Mas ela é digna, honesta e uma mulher de caráter. Se muitos reprovam as atitudes da jornalista por ela ter características que deveriam servir de exemplo, é um caso a se pensar, não?”, questiona.


A cena da morte da jornalista está prevista para ir ao ar no capítulo 126, que será exibido no dia 9 de outubro. Com a morte de Diana, seu marido, Gerson (Marcello Antony), se tornará um dos principais suspeitos do crime.
Natelinha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...