24 de outubro de 2010

Resumo de Canavial de Paixões - SBT - 20h15

Capítulos dos dias 25 a 30 de outubro












Segunda, 25 de outubro

Alexandre pede explicações a Guilherme. Ele garante que nunca houve intimidade entre ele e Denise. Margareth leva presente para João de Deus. Paulo ouve conversa de Agenor e descobre quais são seus planos sobre as terras de Fausto. Mirela, desiludida com o próximo casamento de Clara e João, decide ir embora da cidade. Denise confessa que mentiu para forçar Guilherme a se casar com ela. João pede a Paulo que deixe a cidade. Raquel conta para Margareth que teve um caso com Amador. Agenor e Margareth discutem intensamente. Ele a empurra, ela bate a cabeça e morre. Paulo conversa com Regina sobre a possibilidade de viverem em São Paulo. Remédios chora e pede ajuda a Mirela em suas orações. Agenor cobre o corpo de Margareth. João chega no mesmo momento e percebe o nervosismo dele. Padre diz a Remédios que ela pode resolver todos os problemas se decidir falar o que sabe. Agenor enterra Margareth. Carlos pede a Raquel que deixe Guilherme em paz. Mirela vê Agenor se afastar depois de enterrar Margareth. Agenor arruma as coisas de Margareth e encontra o colar. Remédios encontra Mirela chorando. Maria devolve o amuleto para Paulo. Remédios devolve o amuleto para Clara. Miguel e Lourdes acompanham Clara à igreja. Raquel se sente só. Guilherme continua falando com Regina sobre Paulo e Márcio. Regina diz que Paulo sempre faz tudo que ela quer. Paulo fica perplexo com o que ouve e vai embora indignado. Lourdes tenta acalmar João. Regina desce vestida de noiva e não encontra Paulo. Paulo, à cavalo, rapta Clara de porta da igreja.





Terça, 26 de outubro

Paulo rouba Clara da porta da igreja. Todos os convidados ficam perplexos com a ousadia dele. Agenor procura Raquel e tenta, mais uma vez, convencê-la a vender as terras de Fausto. Raquel o acusa de ter falsificado o contrato e ameaça ir à justiça. Remédios adivinha que o casamento de Clara e João não aconteceu. Teresa, furiosa, culpa Clara pelo que aconteceu e jura vingança. João corre pelo canavial e, desesperado, grita por Clara. Clara resiste, discute com Paulo e pede que a leve de volta. Paulo se recusa, ela rouba o revólver dele e tenta fugir. Raquel relembra o dia em que matou Fausto e toma comprimidos. Teresa vai até a casa de Mirela e pergunta por Clara e Paulo. Carlos conta a Regina que Paulo fugiu com Clara e ela decide ir embora. Padre Antônio tenta consolar João de Deus. Clara continua arredia e não permite que Paulo se aproxime dela. Carlos comunica a Teresa que vai embora com os filhos. Raquel procura Alexandre no consultório e volta a assediar o médico. Hilda flagra os dois se beijando. Teresa manda Guilherme voltar para São Paulo e passa mal. Guilherme assedia Raquel e Agenor o expulsa. O Dr. Alexandre diz que Teresa deve procurar um cardiologista. Márcio pede a Mirela que não vá embora da cidade. Paulo vê Clara saindo a cavalo e chora acreditando que ela fugiu. João corta cana enlouquecido e Mirela o observa. João comenta com padre Antônio que agora entende o desespero de Fausto ao perder Débora. Miréla convida Remédios para ir embora com ela. Clara volta da farmácia e cuida de Paulo. Vicente instiga os funcionários da usina a expulsarem Agenor. Ele faz ameaças. Paulo melhora e promete levar Clara de volta para a cidade, mas o amor acaba falando mais alto e os dois se beijam apaixonadamente.





Quarta, 27 de outubro

Carlos decide não viajar ao saber da doença de Teresa. Paulo e Clara se amam e se reconciliam. João vai atrás de notícias de Clara. Raquel faz comentários maldosos sobre a sobrinha. Agenor entra no escritório sem que Carlota perceba. Ele troca a lâmpada e espalha gasolina pela sala. Regina discute com João e o chama de covarde. Ele devolve a agressão. Padre Antônio promete a Teresa que cuidará dela. Agenor procura Raquel e os dois se beijam e passam à noite juntos. Paulo e Clara conversam e decidem voltar para casa. Vicente se despede de Carlota. Ela sente um cheiro forte e decide averiguar o que está acontecendo. Quando ela acende a luz acontece a explosão. Guilherme assedia Raquel e Agenor o expulsa. O Dr. Alexandre diz que Teresa deve procurar um cardiologista. Márcio pede a Mirela que não vá embora da cidade. Paulo vê Clara saindo a cavalo e chora acreditando que ela fugiu. João corta cana enlouquecido e Mirela o observa. João comenta com padre Antônio que agora entende o desespero de Fausto ao perder Débora. Miréla convida Remédios para ir embora com ela. Clara volta da farmácia e cuida de Paulo. Vicente instiga os funcionários da usina a expulsarem Agenor. Ele faz ameaças. Paulo melhora e promete levar Clara de volta para a cidade, mas o amor acaba falando mais alto e os dois se beijam apaixonadamente. Paulo desmascara Regina. Teresa ouve a conversa e a manda embora. Remédios aconselha Mirela a se afastar de João de Deus, pois talvez sozinho ele possa sentir sua falta. João de Deus se embriaga. Lourdes fala para Miguel e Clara que talvez Osvaldo possa lhe contar sobre o incêndio. Carlos dá razão para Paulo, enquanto Regina arruma as malas. Agenor devolve as joias para Raquel e os dois se beijam. Padre Antônio descobre que João de Deus foi preso. Clara conta para Mirela que se acertou com Paulo. Mirela diz que vai embora da cidade.





Quinta, 28 de outubro

Agenor pede a Raquel que se case com ele, em troca promete desaparecer com Clara para sempre. Remédios pede a Clara que tente fazer Mirela confessar seus problemas. Osvaldo não tem como provar para Lourdes que Agenor mandou provocar o incêndio. Lourdes fala para Miguel sobre a sua conversa com Osvaldo. Alexandre conta para Márcio que Mirela está grávida. João de Deus diz para Padre Antônio que matará Paulo e Padre Antônio resolve não ajudá-lo a sair. Padre aconselha Paulo a evitar se encontrar com João de Deus. Clara escuta Márcio dizer a Mirela que está disposto a assumir o filho que ela espera. Mirela diz a Clara que está esperando um filho de Márcio. Hilda troca farpas com Raquel. Carlos discute com Teresa e a acusa de tentar manipular a vida do filho. Furiosa com o comentário, ela o expulsa de sua casa. Paulo comenta com Vicente que Teresa o deserdará depois do casamento entre ele e Clara. Márcio pede para Mirela pensar sobre a sua proposta de casamento. Regina flagra Paulo e Clara se beijando e ofende a rival. João e Paulo se encontram, discutem e João tenta matá-lo. Padre Antônio chega e, para impedir que uma tragédia aconteça, conta que os dois são irmãos. João de Deus procura por Margareth e diz para Agenor que irá encontrá-la. Paulo, revoltado, acusa a mãe de esconder o fato de João de Deus ser seu irmão. Paulo acusa Teresa de esconder o fato de João de Deus ser seu irmão. Padre Antônio pede perdão a Deus por ter violado o segredo de confissão. Paulo exige que a mãe explique por que sempre fez questão de afastá-lo de seu irmão. Clara chora porque os dois irmãos quase se mataram. Paulo se sente culpado por ter tirado do irmão a mulher que ele ama e diz à mãe que nunca poderá perdoá-la pelo que fez. Remédios aconselha Mirela a aceitar a proposta de Márcio. Agenor revela a Raquel que Paulo e João de Deus são irmãos. Clara, segurando seu amuleto, lembra-se da infância. Paulo, ao recordar sua infância, se emociona e chora. João de Deus também se lembra da infância. Padre Antônio diz a Miguel que não pode mais servir a Deus. Raquel diz a Clara que os irmãos só ficarão bem se ela se afastar dos dois. Guilherme tenta violentar Denise e é preso em flagrante. Carlos e Regina deixam a cidade. Paulo, arrasado, conversa com Clara e diz a ela que o amor dos dois não é mais possível, pois não pode magoar dessa maneira seu irmão.





Sexta, 29 de outubro

Mirela mostra a Remédios o local onde Agenor enterrou Margareth. Padre Antônio procura o bispo, confessa que revelou um segredo de confissão e é obrigado a deixar a cidade. Paulo tenta se reconciliar com o irmão, mas João está muito magoado e não aceita a reaproximação. Remédios chama a polícia, que vasculha o local e encontra o corpo de Margareth. Padre Antônio se despede de João de Deus e conta a ele que encontraram o corpo de uma mulher e tudo indica que é sua mãe. Clara conta para Lourdes que terminou seu namoro com Paulo. Remédios proíbe Mirela de contar o que sabe para a polícia. João de Deus reconhece o corpo da mãe e acusa Agenor. Policiais revistam a garçoniere, mas Agenor consegue fugir. Paulo continua muito magoado com a mãe e se recusa a falar com ela. Mirela acusa Agenor de ter matado Margareth e diz que vai denunciá-lo à polícia. Agenor, para convencê-la do contrário, acaba revelando que é seu pai. Agenor pede ajuda para Raquel. Ela se lembra de Fausto e pensa em fugir com o amante. Padre Antônio despede-se de Paulo e pede para que ele pense mais em Teresa. Mirela conta para Clara que é filha de Agenor. Padre Antônio aconselha Miguel a ficar com Carlota. Mirela chega em casa desesperada e pergunta à avó se é verdade que Agenor é seu pai. Remédios confirma a paternidade de Agenor e Mirela fica revoltada. Agenor observa Clara e Mirela conversando, depois segue as duas e atropela a própria filha. Padre Antônio aconselha Miguel a ficar com Carlota. Agenor conta para Raquel que atropelou Mirela e confessa que ele é sua filha. Mirela perde o bebê depois do acidente. Remédios conta para Clara que Agenor é pai de Mirela. Clara critica Mirela por não ter contado a João de Deus que esperava um filho dele. João de Deus enterra Margareth. Paulo oferece ajuda ao irmão, mas ele não aceita. Raquel nega ajuda a Agenor e o expulsa de sua casa. Indignado, ele ameaça contar a Teresa que ela e Amador foram amantes. Clara avisa Remédios.





Sábado, 30 de outubro

Antes de partir, Padre Antônio procura Raquel para dizer que um dia todos saberão quem realmente é. Ela tenta seduzir o padre. O novo padre chega à cidade. Lourdes comenta com Miguel que acredita que Raquel pediu para Agenor matar Clara. Remédios conta para Padre Antônio que Mirela perdeu o bebê. Teresa procura João de Deus e oferece dinheiro para que ele comece uma nova vida. Ele não aceita. Paulo pergunta à mãe se ela mandou Agenor matar Clara. O delegado informa a João de Deus que Mirela acusou Agenor por tê-la atropelado de propósito. A polícia chega à casa de Raquel e Agenor se desespera. Raquel expulsa Agenor de sua casa. Clara conta para João que Mirela esperava um filho dele. Miguel comenta com Paulo que desconfia que Agenor tentou matar Clara a pedido de Raquel. Remédios proíbe João de Deus de conversar com Mirela. Padre Antônio se despede dos fiéis e é aplaudido por todos. O delegado vai até a casa de Teresa, pergunta se ela sabe do paradeiro de Agenor e entrega a ela as passagens aéreas. Denise visita Guilherme na prisão. Ele pede perdão por tudo e jura que está arrependido. Hilda conta para Alexandre que Denise se recusa a depor contra Guilherme. Miguel e Carlota estão cada vez mais próximos. João procura Mirela e pergunta por que não contou que esperava um filho dele. Teresa fica arrasada ao descobrir a verdade sobre Amador e Raquel. Ela mostra as passagens para o filho e Paulo promete a ela que vai descobrir o que realmente aconteceu há quinze anos atrás.





Fonte: SBT

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...